Dieta após férias: especialistas ensinam receitas e exercícios para perder peso com saúde | Belém

Durante as férias, é comum que muitas pessoas negligenciem a prática de exercícios físicos e acabem fugindo um pouco da dieta, exagerando em alimentos mais calóricos e, às vezes, ingerindo mais álcool que o normal. Em agosto, com o retorno à rotina, antes de decidir voltar a treinar e se alimentar de maneira adequada, é necessário tomar alguns cuidados, afinal, o corpo já está há algumas semanas sem ver uma esteira ou halter e, portanto, mais suscetível a lesões.

Neste veraneio, a modelo fotográfica e digital influencer Jéssica Nascimento decidiu viajar para o litoral paraense. Ela já praticava exercícios físicos regularmente e acompanhamento com nutricionista há pelo menos quatro anos, mas nas férias, acabou dando uma relaxada. “Eu aproveitei para comer tudo que eu tinha vontade, para que quando eu voltasse para os meus exercícios e alimentação saudável de novo, eu não ‘metesse o pé na jaca’ novamente”, conta.

Em Salinas, acompanhada da família e de amigos, ela passou a consumir bebidas alcoólicas com mais frequência, e ficou mais de três semanas sem pisar na academia. Com o fim das férias, o saldo foi de alguns quilos a mais e, para correr atrás do prejuízo, Jéssica já retornou à rotina de atividades. “No meu retorno eu estou mais devagar, para começar a me adaptar novamente, porque eu comi algumas coisas diferentes, e isso dificulta na volta, já que o pique não é mais o mesmo. Então eu comecei a treinar mais devagar, com pesos mais leves, para ir aumentando depois. Também já estou voltando, aos poucos, com a dieta”.

VEJA MAIS



Conheça o Burpee, a modalidade que reúne vários exercícios fitness num só e auxilia na perda de peso
O treino não agrada a todos mas é muito eficaz na perda de peso e possui um alto grau de dificuldade


Dieta após férias: especialistas ensinam receitas e exercícios para perder peso com saúde | Belém

Dieta da USP emagrece rápido? Confira como funciona e quais os riscos da dieta
Apesar de prometer a perda de peso, o regime não é indicado por especialistas e pode ser um perigo para a saúde


Dieta após férias: especialistas ensinam receitas e exercícios para perder peso com saúde | Belém

Dieta: cortar glúten não emagrece, diz nutricionista
Glúten é proteína que tem funções benéficas ao trato digestivo e apenas pessoas com doença celíaca ou intolerância devem fazer restrições

Retorno às atividades de forma gradual é o mais indicado

Para o professor de Educação Física Gabriel Moutinho, o mais importante é a pessoa saber como vai retornar à rotina de treinos, quais suas condições físicas e, se possível, ter o auxílio de um profissional. “A gente sabe que o mês de julho é um mês em que as pessoas geralmente desidratam muito, por conta do sol do veraneio e do maior consumo de álcool. Também há o consumo de alimentos mais calóricos, então a pessoa volta com uma forma física diferente do que ela iniciou o mês”, explica o especialista.

Para retornar com segurança, o correto, de acordo com o professor, é iniciar com treinos mais moderados e, com o decorrer do tempo, ir aumentando o volume e intensidade dos exercícios. “O nosso corpo possui memória muscular. Então aquelas pessoas que treinam regularmente, conseguem se adaptar mais facilmente a esse retorno. Já para aquelas pessoas que ainda querem iniciar ou não têm um treino regular, é muito mais difícil e o índice de lesões é ainda maior. Você carregar muito peso, praticar atividade por muitas horas, isso pode trazer problemas físicos e de saúde”, destaca. “O retorno é sempre mais complicado. A gente tem que procurar estratégias pra conseguir reintegrar aquele indivíduo à rotina dos treinos, para que ele se sinta à vontade e pratique exercícios de forma prazerosa, não como se fosse uma obrigação”.


Dieta após férias: especialistas ensinam receitas e exercícios para perder peso com saúde | Belém


Carlos Pinheiro, nutricionista esportivo, dá dicas de alimentação para quem vai retomar os treinos (Ivan Duarte / O Liberal)

É importante manter o equilíbrio

O nutricionista esportivo Carlos Pinheiro destaca que o mais importante é saber manter o equilíbrio entre a alimentação saudável e os momentos de prazer. “As pessoas precisam entender que também faz parte viajar, comer o que tem vontade, para que quando elas voltem à rotina de treino e dieta, não sintam as vontades que tinham antes. O mais indicado é voltar a se alimentar bem aos poucos, deixando os alimentos ultraprocessados, que contêm muitos aditivos, e comendo alimentos mais ‘limpos’, para o corpo voltar a se acostumar. O sono também é outro fator muito importante, assim como deixar de consumir álcool, além de aumentar a ingestão de água”, pontua.

A primeira semana de readequação da dieta, segundo o nutricionista, é a mais difícil. Muitas pessoas acabam sentindo dificuldade para voltar a se alimentar bem, pois optam por fazer restrições mais radicais, como cortar carboidratos, o que é um erro. “Achar que comer só salada e frango vai fazer emagrecer, não funciona. As pessoas que já tinham uma rotina antes das férias, precisam apenas voltar ao que estavam fazendo, não precisa cortar nada. Já que ela não estava com uma alimentação regrada, ela tem que se regrar agora, até porque ela vai treinar. O certo é não fazer tudo de uma vez, mas sim com calma e paciência, para que haja uma consistência nesse retorno”.

Alguns alimentos podem ajudar a reduzir a retenção de líquido no corpo e, com isso, a sensação de ganho de peso. A dica do nutricionista é consumir muitas frutas, principalmente as que têm muita água em sua composição, como abacaxi, melancia, entre outras. A ingestão diária de legumes e vegetais também é importante, pois eles contêm nutrientes indispensáveis ao corpo humano e também ajudam na saciedade da fome. As proteínas também são essenciais, já que elas ajudam a conservar a massa muscular. “Mesmo para quem exagerou nas férias, volte à dieta, pois nada é jogado fora. Não vão ser 10 ou 15 dias de relaxamento que vão botar a perder tudo o que foi construído ao longo de meses. Não desanime e nem perca o foco por conta disso”, concluiu Carlos Pinheiro.

Gostou? Comenta aqui oque Achou!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você irá ler nesta matéria